07 dezembro 2013

O Record é um Jornal honesto e imparcial


Após tanta polémica com a tabela classificativa do Jornal Record venho por este meio defender esse grande pasquim que é considerado por muitos como o meio de comunicação do Sporting.
A tabela classificativa apresentava e vai continuar a apresentar o Benfica em primeiro lugar porque o Benfica tem pontos de mérito atribuídos por este meio de comunicação imparcial.
Se a tabela oficial da liga apresenta outra classificação (ou a de todos os outros jornais ) é porque não sabem interpretar as regras que eles mesmos criaram.
A explicação cientifica é muito simples, o Benfica foi empatar a Alvalade por uma bola e o Sporting já não ganha na Luz desde o tempo em que o Borda d’Água acertava nas previsões metrológicas, pelo que este ano será novamente o Benfica a ganhar. 
Como jornal honesto e imparcial o Record tem direito a considerar que a diferença de golos (que segundo as regras oficiais é o factor de desempate enquanto não houver os dois jogos entre os clubes com os mesmos pontos) só servirá no final e até lá considerar a ordem alfabética.

Estou curioso por ver o que sucede à tabela classificativa se o Porto ganhar 2-0 ao Braga, será que consideram o resultado do ano transato? Ou será por futurologia, uma vez que a nota desse pasquim diz o seguinte:
 “NOTA - Os desempates são feitos pelos critérios finais da Liga, em que contam primeiro os jogos realizados entre os clubes em igualdade pontual na classificação e só depois os golos marcados/sofridos. Por este motivo, a classificação apresentada pela Liga, jornada a jornada, pode diferir da que é elaborada por Record.” 

Segundo a triste nota, que justifica a injustificável falta de profissionalismo e a doença clubística estes marrecos já conhecem o resultado do Benfica-Sporting de 2014! E o mais lixado é que o Sporting vai perder porque na nota diz “...os jogos realizados entre clubes...” e não o jogo, plural no Português de antigamente era mais do que um. 

A não ser que conte o jogo da taça que foi disputado na Luz e onde o Benfica do Record ganhou por 4-3, mas mesmo assim aos 90 ficou 3-3 e em Alvalade para o campeonato não houve direito a prolongamento. 
Ao menos poderiam colocar na nota justificativa a ordem alfabética ou a ordem do coração o que evitavam chamarem-lhe burros por, mesmo como jornal desportivo, não saberem que jogos é sempre mais do que um, taça e campeonato não são para a mesma tabela e finalmente, para que a imparcialidade clubística não impere há as regras oficiais.


22 julho 2013

Anda cá e escuta-me



O PS queixa-se que o andam a escutar. Parece-me que o papel está invertido, pois, na minha desmazelada opinião, o PS quer ser escutado e ninguém está para aí virado.
Não duvido que possa ser um dos bichos (ácaros) que em tempos comia a informação de Belém e na falta de alimento  já se pôs ao fresco do computador do PR, para não morrer de tédio, aterrou no largo do Rato. Mas de Belém e do Rato venha o Demo e escolha, qual o melhor indutor do sono para escutar numa noite de insónias.

Ou muito me engano, ou mais dia menos dia é o Paulito que vai choramingar para o Pedro, para que este o liberte dos bicharocos que se alaparam nos computadores do CDS. Pode ser que assim o famoso Jacinto Leite deixe de pagar as quotas e os espiões dêem de frosques para um pais governável.



21 julho 2013

Para bem da nação não se entendam!

Tenho assistido impávido a todo o burburinho que se faz à volta do tão desejado acordo entre os três principais partidos, aqui, na bancada do meu sofá, todos os dias cruzo os dedos em "figas" para que o entendimento não aconteça. E não é que, ainda que não acerte no Euromilhões, desta feita as minhas preces foram ouvidas pelos políticos, o desentendimento venceu, o pais ganhou, o Aníbal levou com a batata a ferver e os partidos desataram todos a berrar que a culpa é dos outros. Até o CDS do PP (Paulo Portas) já se esqueceu que a crise politica foi fruto do beicinho que o seu líder fez ao Primeiro Ministro.
Não confio no nosso PR (ainda que não tenha o nível do grande escritor para o tratar mal) e se a ideia dele era dar um balázio no PS levou com o cartuxo a ferver.
Agora vou esperar por um novo episódio desta novela de trampolineiros e rezar para que o homem já tenha nascido algumas vezes se não pode surgir mais uma galga.


01 fevereiro 2012

A TDT é uma das maiores aldrabices que eu conheço. Andei empoleirado no telhado da casa dos meus pais a virar para um lado e para o outro a antena digital terrestre e o sinal nem burro queres tu àgua. Informaram-me, mais tarde, que a aldeia de Guimarães de Tavares está numa zona sombra, o que significa que, o que os fala-barato (a ganharem milhões) dizem na televisão -  não vai haver custos para as pessoas - não passa de uma grande galga.  Ora vejamos, a dona Ilda e o Sr. Cabral se quiserem continuar a ver a RTP, que pagam na factura da EDP, vão ter que desembolsar perto de 200€ por uma antena parabólica e respectiva box da Meo e só poderão usufruir do serviço numa televisão.
Cada vez que escuto uma besta da ANACOM, na televisão com um sádico sorriso amigo, afirmar que a cobertura é 100% e ninguém será prejudicado apetece-me levar o aldrabão para cima do telhado e deixá-lo cair embrulhado nas suas petas.
Aahhh!! e a porra da lata que nos obrigam a utilizar no satélite nem sequer permite  ver os canais livres do hispasat.

Uma mentira repetida muitas vezes na televisão passa a ser verdade, não sei é quanto tempo demora até fazerem o “desligamento” desses imbecis que enchem a panela à nossa conta.

14 maio 2011

A partidíte crónica…

Fomos evadidos por uma nova doença estranha que está a disseminar-se por toda a sociedade: a partidíte.  A sua forma mais virulenta aparece associada à tachíte.
Estes vírus, agarrados ao tacho, recusam-se a ver que o paciente está a morrer por lhe sugarem o sangue e a alma. O líder destes vírus gesticula e afirma de uma forma convicta e com ar honesto, que a culpa é de outro vírus que se prepara para minar o organismo. Aliás, ele consegue provar que acabou de chegar e vai salvar o moribundo – só não consegue responder quem o deixou à beira do vale dos caídos mas sabe e convence que a culpa nunca foi dele.
Quando todos acordarmos com os tachos sem fundo ainda vamos criar um novo culpado e, eu que adivinho já sei o seu nome:  Fernando Manuel Inácio.
Os portugueses  deviam proibir todos os políticos que exerceram cargos públicos nos últimos 30 anos de se candidatarem, quer às eleições, quer a exercer alguma actividade publica. E todos esse tachistas, que estão cheios de tensas por coçarem para dentro, deveriam ser investigados e punidos (esta parte é ficção).

PS – Esta porra é mesmo tudo ficção, os tachos vão proliferar à esquerda e à direita. A teta da vaca vai secar mais uma vez e os boys vão assar a vaca no espeto, alegres e numa faustosa rambóia. Alguém há-de ficar sem outra vaca…disseram-me ao ouvido – sem a vaca e sem o pasto!


22 março 2011

Sonho lindo...


Acordei feliz no meio de um sonho catastrófico. O mar sem fim fazia ondas de centenas de metros de altura, ao longe via-se um barco igual a uma casca de noz perdido em tamanha montanha russa. Ao leme, o comandante Pito de Sousa , orientado pelo estranho devorador de potes Coelho Passado (de passado dos cornos), ao fundo do convés, com uma expressão de dor e dentes a ranger, o Mortas com eles entalados na porta, gritava em plenos pulmões – Também quero mandar no rumo!  
A serrar o leme para que a orientação das águas em turbulência guiassem a embarcação contra os recifes ainda se podia ver um índio dos pára-quedista (Gerónimo) amigo do parte louça que agarrava de um lado da serra de lamina.
Quando todos se afundaram agarrados o barco e com as bóias a flutuar nas águas em revolução. A acalmia chegou num repente e eu acordei com o peito rasgado em tristeza:
– Porra não passou de um sonho, só sei que quem quer esteja a lamber o pote, Sócrates ou Passo com Portas a destruição da classe média já começou, e nós estamos cá a apagar fogueiras com gasolina (cara).

24 dezembro 2010

Estamos no fim de mais um ano...


 Acabei de ouvir a maior anedota deste ano e da boca de um ministro de Sócrates que, certamente, bebeu da água que ele bebe.
A GNR passa a poder enviar as multas directamente para casa sem identificar o  condutor da infracção. Não importa se o condutor do veiculo é alguém que não anda habitualmente com ele ou se vai sem cinto porque tem autorização para tal. 
A multa vai chegar em menos de 6 dias e segundo o ministro é para evitar mortes nas estradas – hehehehe! Caí a rir quando escutei esta piada.
Depois o homem do wikileaks revela as verdades e todos dizem que o mundo político e das relações internacionais tem que ser baseado na falsidade.
O ministro sabe que não há dinheiro e que tem que o mandar sacar aos condutores mais incautos. Não importa se o condutor vai a sacar um macaco do nariz mas se ao agente da autoridade lhe parecer que vai ao telemóvel pode mandar a factura ao ranhoso que ele tem pagar e não bufar.
Nós não escolhemos quem nos governa (apesar de muitos pensarem que sim) mas para castigo eles também pensam que governam mas quem manda é a oligarquia da Europa e da América.

Boas Festas e cuidado que eles andam aí…e querem sempre mais dinheiro fácil.